19 de nov de 2013

Qual é o peso da vida?

   A vida pesa pois, desde cedo aprendemos que devemos fazer dela algo grandioso. A vida é leve para aqueles que simplesmente a esquecem, que não levam ao pé da letra este tal peso da vida. Mas, que peso é este? Bem, este peso é aquele que você dá a vida. 
  Não existem motivos cabíveis para se fazer da vida algo ruim, difícil de carregar. Saibamos que somos capazes de vencer qualquer obstáculo, seja ele concreto ou mental. 
  A vida é vida quando simples. Quando quer-se viver, quando se tem sede de vida, aí sim, vivemos. Não corra, não fuja da vida, não acredite no tempo do relógio, mas sim, no seu tempo. Seja aquilo que quiser ser, faça o que te faz feliz. Não escolha uma profissão pensando no quanto você irá ganhar no final do mês. Lembre-se que quando se faz aquilo que gosta, se faz bem feito; e todo trabalho bem feito, recebe um reconhecimento maior. Parece simples, e realmente é! Não crie obstáculos, não invente motivos para não viver; crie motivos para amar a vida, o simples ato de você ter acordado hoje já algo imensamente grandioso. 
  Há milhões de chances e caminhos para você seguir, molde a sua vida, o seu dia a dia de acordo com aquilo que lhe faz bem. De nada adiante viver correndo atrás do relógio, se no final do dia, você não irá sentir orgulho da sua vida. Pense no que você está fazendo, veja se está feliz assim. Se a resposta for não, lembre-se que você pode e é capaz de mudar; mudar cem, mil vezes se necessário. Mudanças fazem bem, renovam a vida. Tudo pode ser mudado, melhorado. Toda hora é hora para ser e fazer aqui que você tanto sonha. A vida é breve, a vida é leve. Leve feito pena, sai voando por aí e você nunca mais consegue pegar.

-
                                                                                                                                       -  Iane Prestes



Nenhum comentário:

Postar um comentário